Sexta-feira, 11 de Fevereiro de 2011

«O Coração Não Envelhece», de marie de Hennezel

NÃO HÁ MELHOR MANEIRA DE ENVELHECER


DO QUE MANTER A JUVENTUDE NO CORAÇÃO


 



Envelhecer amedronta-nos. A nossa sociedade dá-nos uma imagem desastrosa da velhice. No entanto, este envelhecimento inevitável pode não nos condenar à solidão, ao sofrimento, à perda ou mesmo à dependência. Se é verdade que todos envelhecemos, também é verdade que podemos decidir não nos tornarmos «velhos». Esta é a mensagem que Marie de Hennezel nos transmite, e ensina, neste livro.


E como poderemos envelhecer sem ser velho? Graças ao coração, ou seja, à nossa capacidade de amar e desejar. É o coração que nos pode ajudar a superar os nossos medos e apoiar-nos no seio das piores agruras da velhice.


Marie de Hennezel orienta-nos no sentido de uma verdadeira «arte de envelhecer». Baseada em vários testemunhos recolhidos não só da sua experiência clínica mas também com a sua grande amiga -  a Irmã Emmanuelle -  ela revela-nos o quão profundo e intenso pode ser este momento da nossa vida, como podemos conviver com os desgostos e desfrutar as alegrias que a velhice nos traz.


 



Marie de Hennezel nasceu em 1946, é casada e mãe de três filhos. Estudou Psicologia Clínica e Psicanálise Jungiana, tendo iniciado a vida profissional no acompanhamento a mulheres emocionalmente perturbadas, designadamente casos de psicose avançada.


Trabalha, desde 1987, na primeira Unidade de Cuidados Paliativos para doentes terminais (cancro e sida), em Paris. Pratica a haptonomia, a ciência de curar pela afectividade, defendendo a necessidade do contacto físico com os doentes. Fundou, em 1990, a Associação Bernard Dutant – Sida, em memória de um amigo que faleceu com essa doença.


Morrer de Olhos Abertos, que contou com a colaboração de Nadège Amar, Diálogo com a Morte, A Arte de Morrer e Nós não nos Despedimos, já são obras de referência onde se relata a importante experiência de quem assistiu, profissionalmente, a largas centenas de mortes e onde tentou equilibrar o tratamento médico com uma dimensão humana de comunicação com o doente. Todos os livros referenciados encontram-se editados (e reeditados) em Portugal, pela Casa das Letras.

publicado por Oficina do Livro às 11:27
link do post | favorito

.pesquisar

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. «O Coração Não Envelhece»...

.subscrever feeds