Quarta-feira, 13 de Março de 2013

Book Trailer de «Encontras-me no fim do mundo»

publicado por Oficina do Livro às 12:02
link do post | favorito
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013

«Encontras-me no Fim do Mundo», de Nicolas Barreau, a 8 de março na Quinta Essência



Autor de O Sorriso das Mulheres


 


Jean-Luc Champollion é aquilo a que os franceses chamam um homme à femmes. O encantador proprietário de uma galeria bem-sucedida ama a arte e a vida, é muito sensível ao encanto das mulheres, que de bom grado lho retribuem, e vive num dos bairros da moda de Paris, em perfeita harmonia com o seu fiel dálmata Cézanne. Tudo corre bem até que, uma da manhã, Jean-Luc encontra no correio um envelope azul, e a sua vida muda para sempre. A missiva é uma carta de amor, ou melhor, uma das declarações de amor mais apaixonadas que o galerista já viu, mas não vem assinada: a misteriosa autora decidiu esconder-se e convida-o a descobrir quem é. Jean-Luc fica inicialmente confuso, mas decide alinhar. A remetente anónima forneceu-lhe um endereço de e-mail e desafia-o a responder. Mas a tarefa não é fácil. Em breve, Jean-Luc tem apenas um objetivo: descobrir a identidade da caprichosa desconhecida, que parece conhecer muito bem os seus hábitos e gosta de o provocar incessantemente. Assombrado pelas suas palavras, Jean-Luc segue as pistas dispersas na correspondência, cada vez mais incapaz de resistir à mais doce das armadilhas. O objeto da sua paixão existe apenas no papel e na sua imaginação, mas ele sente conhecer melhor esta mulher do que os quadros expostos na sua galeria, mesmo que nunca tenha visto o seu rosto. Ou será que viu?



 


 


Um galerista fascinante.


Uma mulher misteriosa.


Uma série de provocantes cartas de amor.


 


Nicolas Barreau serve-nos o romance mais encantador da temporada


 


 


«Mon cher Monsieur Le Duc,


Não sei como começar esta carta, que é – sei-o com a certeza de uma mulher que ama – a mais importante da minha vida.(…)


Desafio-o para o mais delicado de todos os duelos e estou impaciente por saber se aceita este pequeno desafio. (Aposto o meu dedo mindinho que sim!)


À espera da sua resposta, com os meus melhores desejos,


La Principessa»


 


Assim começa a carta que mudará a vida de Jean-Luc Champollion. Assombrado pelas palavras desta mulher misteriosa, Jean-Luc vai tentar solucionar o mistério que poderá trazer-lhe a felicidade.


 


 


«Nas palavras de Antoine de Saint-Exupéry “o essencial é invisível”, mes chers amis.
Então o que esperam para apreciar o romantismo de Paris, as suas porcelanas, os macarons de Ladorée e os seus personagens peculiares? Corram até à livraria mais próxima e sonhem de olhos abertos. Porque, como costumo dizer, sonhar é bom».


 


http://borderline83.blogspot.pt


 


 



Nicolas Barreau nasceu em 1980 em Paris, filho de mãe alemã e pai francês, estudou Literaturas Românicas e História na Sorbonne.


Durante algum tempo trabalhou numa livraria da Rive Gauche em Paris, até que finalmente se dedicou à escrita. Gosta de restaurante e de culinária, acredita no destino, é muito tímido e reservado e, tal como o escritor protagonista desde livro, não gosta de aparecer em público. Os seus três romances, publicados originalmente por uma pequena editora alemã, alcançaram um enorme êxito, em especial O Sorriso das Mulheres, que se tornou um fenómeno editorial na Alemanha, em Itália e em Espanha.

publicado por Oficina do Livro às 08:10
link do post | favorito
Sexta-feira, 23 de Março de 2012

«O Sorriso das Mulheres», de Nicolas Barreau, na Quinta Essência em Abril


 


 


Um livro e o seu misterioso autor.


Uma bela cozinheira e o seu pequeno restaurante.


Nicolas Barreau serve-nos o romance mais encantador da temporada


 


«A história que pretendo contar começa com um sorriso.


Termina num pequeno restaurante com o sugestivo nome Le Temps des Cerises,


que fica situado em Saint-Germain-des-Près,


onde bate o coração de Paris.»


 




Para Aurélie Bredin, as coincidências não existem. Jovem, sensível e atraente, é a proprietária de um pequeno e romântico restaurante, Le Temps des Cerises, situado no coração de Paris, a dois passos do Boulevard Saint-Germain.


Naquele pequeno restaurante forrado a madeira, com toalhas aos quadradinhos vermelhos e brancos, o seu pai conquistou o coração da sua mãe graças ao menu d’amour. E foi ali, rodeada pelo aroma do chocolate e da canela, que Aurélie cresceu e onde encontra consolo nos momentos difíceis da sua vida.


Mas agora, magoada pelo abandono de Claude, nem sequer a calidez acolhedora da cozinha é capaz de consolá-la.


Uma tarde, mais triste que nunca, Aurélie refugia-se numa livraria. Um romance, O Sorriso das Mulheres, chama a sua atenção. Quando o folheia, descobre que a protagonista é inspirada nela e que Le Temps des Cerises é um dos cenários principais.


Graças a esta prenda inesperada, volta a sentir-se animada. Decide entrar em contacto com o autor, Robert Miller, para lhe agradecer. Mas isso não é fácil. Qualquer tentativa de conhecer o escritor – um misterioso e esquivo inglês – morre na secretária de André Chabanais, o editor que publicou o romance.


Porém, Aurélie não desiste e quando um dia surge efectivamente uma carta do autor na sua caixa de correio, acaba por daí resultar um encontro bem diferente daquele que tinha imaginado…


 


 


 


        


 


«Uma bem conseguida mistura de Cyrano de Bergerac,


de Chocolate e de Quando Sopra o Vento Norte


Brigitte


 


 


 


«Iniciando a viagem por uma Paris cheia de magia (…) li esta


comédia romântica, intensa e emocionante.»


Valeria Merlini Panorama


 


 


 


«É um livro que te sorri. Cada página está impregnada


de optimismo, de amor pela vida e de alegria.»


Cristina Giuntini Solo Libri


 


 


«Com um estilo fresco e cheio de paixão, Barreau mistura amor, uma pitada de mistério, o encanto de Paris e a sensualidade da cozinha para nos oferecer uma história terna e saborosa.»


Chiara Carla Frosino Magazine


 


 


 




Nicolas Barreau nasceu em 1980 em Paris, filho de mãe alemã e pai francês, estudou Literaturas Românicas e História na Sorbonne.


Durante algum tempo trabalhou numa livraria da Rive Gauche em Paris, até que finalmente se dedicou à escrita. Gosta de restaurante e de culinária, acredita no destino, é muito tímido e reservado e, tal como o escritor protagonista desde livro, não gosta de aparecer em público. Os seus três romances, publicados originalmente por uma pequena editora alemã, alcançaram um enorme êxito, em especial O Sorriso das Mulheres, que se tornou um fenómeno editorial na Alemanha, em Itália e em Espanha.

publicado por Oficina do Livro às 14:52
link do post | favorito

.pesquisar

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Book Trailer de «Encontra...

. «Encontras-me no Fim do M...

. «O Sorriso das Mulheres»,...

.subscrever feeds